sexta-feira, 20 de março de 2009

NÃO ENTENDI

Recebi um e-mail da assessoria de imprensa da Câmara de Vereadores de Blumenau que dizia o seguinte:

Mudanças nas estruturas do Executivo

Projeto de Lei Complementar nº 997, de autoria do Executivo Municipal, que “Altera as estruturas administrativas do poder Executivo Municipal, da Procuradoria Geral do Município, da Fundação Municipal de Cultura e da Fundação Promotora de Exposições de Blumenau, de que tratam, respectivamente, as leis complementares n. 700, de 29.01.2009, n. 701, de 29.01.2009, n. 400, de 06.05.2003 e n. 10, de 21.12.1990”. Trata-se de mudanças pontuais nas estruturas do Executivo da Procuradoria Geral do Município, Fundação Cultural de Blumenau e Fundação Promotora de Exposições de Blumenau. Entre as quais se destaca a elevação da Diretoria de Defesa Civil, atualmente subordinada ao gabinete do Prefeito, ao nível de Secretaria Municipal. O objetivo é o de possibilitar a intensificação das atividades que vem sendo realizadas para prevenção e defesa da cidade contra novos desastres naturais.
A alteração cria três novos cargos nas estruturas administrativas de todos os órgãos do Executivo, que não gerarão aumento de gastos na folha, mas diminuirão o total das despesas de pessoal. Por isso, a implantação das mudanças tem adequação com a Lei orçamentária anual, compatibilidade com o plano plurianual e as diretrizes orçamentárias.

O que eu não entendi é como a criação de três novos cargos para 3 secretarias e a mudança de uma Diretoria em Secretaria pode não gerar aumento nos gastos com a folha de pagamento?
Enviei e-mail para a assessoria de imprensa da Prefeitura, mas não recebi resposta.

DE FÉRIAS



Na próxima segunda-feira (23/03) o prefeito João Paulo Kleinubing, de Blumenau, vai entrar de férias novamente. Ele e os prefeitos João Rodrigues (Chapecó), Milton Hobus (Rio do Sul) e Wanderley Agostini (Curitibanos), vão para os Estados Unidos acompanhar a comitiva liderada pelo presidente do DEM, Rodrigo Maia, e pelo senador Raimundo Colombo.
Eles foram os escolhidos para participarem, no Institute of Brazilian Issues, da George Washington University, de um seminário internacional que terá uma vasta programação para verificação de experiências bem sucedidas na administração dos municípios de Washington e Chicago, onde serão examinados projetos locais nas áreas de saúde, educação, meio ambiente e moradia.
Kleinubing assume novamente a prefeitura de Blumenau no dia 6 de abril (segunda-feira). Até lá, quem vai estar no comando, mais uma vez, é o vice Rufinus Seibt (PMDB).

JOARES PONTICELLI

Perguntei para o deputado estadual Joares Ponticelli (PP) como ele via a possibilidade do seu partido voltar a comandar o estado, caso o governador Luiz Henrique seja cassado. Perguntei também se o ex-governador seria o candidato à reeleição em 2010. Veja o que ele respondeu.

Prezado Sérgio,

Quanto a possibilidade de voltarmos ao comando do Estado em função da eventual cassação do Governador, afirmo-lhe que não houve e não haverá nenhuma discussão partidária sobre o assunto antes da definitiva manifestação do TSE sobre o processo.
Quanto a Eleição em 2010, o próprio Esperidião já comunicou a Executiva Estadual, na última reunião, que não disputará mais eleição para o Governo do Estado, disponibilizando o seu nome para disputar vaga ao Senado, à Câmara Federal ou Assembléia Legislativa.
Informo ainda que, até o presente momento, apenas o nosso ex-Deputado e ex-Presidente Hugo Biehl, manifestou à Bancada Estadual e à Executiva sua disposição de disputar o Governo do Estado, e está trabalhando junto às nossas lideranças municipais e regionais para consolidar sua pré-candidatura.

Forte abraço,
Dep. Joares Ponticelli

BATERAM DE FRENTE

Não sei se na prefeitura de Blumenau as coisas andam bem entre os partidos da base de João Paulo Kleinubing, mas na Câmara de Vereadores o DEM e o PP não estão se bicando muito com o bloco PMDB/PSDB. Ouviu-se na ultima sessão que o PMDB, mesmo com apenas um vereador, tentou dar uma rasteira no DEM, mas a coisa foi percebida a tempo.
Mas não é de hoje que os Democratas não estão se dando bem com os peemedebistas. A bronca é que o PMDB quer mais do que merece, na visão do DEM. Um vereador do próprio PSDB se sentiu traído pelo próprio partido porque os tucanos acabaram com menos cargos na prefeitura, mesmo tendo 4 vereadores, do que o PMDB, com apenas 1.
Sinceramente, eu não dou dois anos para o PMDB começar a fazer o joguinho de sempre, onde faz que vai sair só para colocar o prefeito na parede.
E como o PSDB sempre ta a reboque dos peemedebistas, não me espantaria de eles serem usados como bucha de canhão nesse jogo político.
Certo mesmo é que a coisa, na Câmara, ta começando a esquentar.

TENTARAM

Funcionários da Secretaria de Assistência Social, da Criança e do Adolescente de Blumenau foram impedidos mais uma vez de fazerem um levantamento das famílias que ocupam uma área na rua Pastor Osvaldo Hess, no Bairro Ribeirão Fresco.
Mário Hildebrandt, Secretário de Assistência Social, disse que as pessoas que se intitulam líderes do movimento de ocupação do local ameaçaram os profissionais, colocando em risco a integridade física deles.
Por isso, a Secretaria registrou dois Boletins de Ocorrência nas duas últimas tentativas feitas pelos agentes. O objetivo do cadastramento é tentar resolver o problema de moradia da mesma forma como são atendidas as outras 359 famílias que residem nas moradias provisórias.
O Secretário assinala ainda que a preocupação maior é com a grande quantidade de crianças na área, que é considerada de risco.
Diante da insistência das famílias em permanecer de forma irregular no local, Mário Hildebrandt antecipa que uma nova tentativa de levantamento da situação das famílias deverá acontecer na sexta-feira, às 9:30 horas.
Por uma questão de bom senso, as famílias deveriam pelo menos deixar os agentes fazerem o reconhecimento da área e ver como estão as condições de vida das crianças.
O resto dá para resolver conversando.

FICHA DE CONDUTA

Na sessão de ontem da Câmara de Vereadores de Blumenau, o vereador Zeca Bombeiro (PDT) afirmou que constatou o funcionamento com sucesso do seu projeto, que institui a ficha de conduta disciplinar para os alunos, na Escola Estadual de Educação Básica João Widemann.
Eu não entendi como o vereador pode constatar tal fato se a tal ficha ainda não foi implantada na rede municipal de ensino.
E pelos e-mails que recebi, não senti dos professores uma fácil aceitação. Segundo os educadores, a ficha pode rotular o aluno problemático e, quando ele trocar de colégio, pode sofrer discriminação na nova escola.
Esse modelo de ficha era usado até a década de 80, mas foi abolido justamente por causa do tratamento diferente que essas crianças recebiam na escola.
O que os professores querem de verdade são políticas eficazes de auxilio ao aluno para que ele encontre um novo caminho, com o apoio de psicólogos e de professores que dêem aulas de reforço.

APROVEITANDO A VIAGEM



O dirigente Luis Alberto, da LA Sports, parceira do time do Avaí (Florianópolis), aproveitou a partida de quarta-feira entre o Joinville e o Avaí, na Manchester catarinense, para conversar com os jogadores Marcelinho, Ricardo Oliveira e Willam, do Joinville.
Ele informou aos jogadores que a empresa tem interesse em levá-los para a capital para a disputa da séria A do Campeonato Brasileiro.
A conversa definitiva ficou para o fim do Campeonato Catarinense, mas é dada como certa a transferência dos três para o time azurra.
Segundo Luis Alberto, as bases principais já estariam acertadas, só faltando a homologação do negócio.




Sérgio Eduardo de Oliveira – 20/03/2009

Nenhum comentário:

Postar um comentário