terça-feira, 25 de agosto de 2009

FRASE DE PAVAN EM BLUMENAU


Segurança, saúde e educação; quem disser que isso não é prioridade, é demagogo.

DE SAÍDA



O deputado federal José Carlos Vieira (DEM) já avisou que vai trocar de partido. Não se conforma que o DEM de Joinville queira lançar mais que um candidato à Câmara Federal na região norte de SC. Segundo o deputado, o seu partido pode lançar até 4 candidatos, o que para ele é um absurdo e um suicídio eleitoral.
Por conta disso, Vieira deve mudar de casa para ter apoio integral de outra sigla, quando pretende concorrer à reeleição em 2010.
Ele já recebeu o convite do PPS, do PR, do PDT e mais recentemente do PP para ser o candidato a deputado federal.
Depois que José Carlos Vieira apoiou seu irmão nas eleições de 2008, que era candidato a vice-prefeito na chapa do peemedebista Mauro Mariani, deixando de apoiar o candidato do DEM, Darci de Matos, as relações ficaram estremecidas com a direção do partido.
O deputado federal promete divulgar até o fim da próxima semana a nova sigla que irá defender.

DERROTADOS



Esperidião Amin (PP) é visto, hoje, com a força política reduzida por conta das últimas três derrotas que sofreu para o PMDB em Santa Catarina. Mas quem também já não goza de muito prestígio no estado é o ex-deputado e ex-ministro da pesca, José Fritsch, quem também perdeu as três últimas eleições que disputou. Assim como Amin, Fritsch também perdeu duas vezes para o governador Luiz Henrique e perdeu em 2008 a corrida pela prefeitura de Chapecó.
Então ambos estão em pé de igualdade. A diferença é que Amin ainda tem fôlego para concorrer ao Senado, coisa que o petista já não possui mais.
Com a licença de Luci Choinaki do PT catarinense, Fritsch deve assumir o comando do partido em 2009 se todas as alas entrarem em acordo.

DAS CINZAS



Na inauguração do novo Procon, na última sexta-feira, não só aconteceram fatos pitorescos, como a apresentação da Presidente da Fundação Cultural, Marlene Schlindwein, ao diretor do Procon, Erivaldo Nunes.
José Ouriques (PTC), o Latinha, também ressurgiu das cinzas e foi bastante cumprimentado por todas as autoridades na solenidade de assinatura do projeto que dá poder de polícia ao Procon.
Comentou-se que ele iria aproveitar a ida até o Procon para reclamar dos 60 mil eleitores, que ele garantiu que votariam nele em 2008, mas acabaram escolhendo outro candidato.

ENTRE AMIGOS



Na solenidade em comemoração aos 10 anos da Câmara Mirim, na sexta-feira passada, o vereador Vanderlei de Oliveira (PT) se viu amparado por dois tucanos de carteirinha: Dalírio Beber e Giancarlo Tomelin. Não se sentiu nem um pouco constrangido, tendo conversado, como bom político que é, com todos naturalmente.
Aliás, o vereador Vanderlei é uma das figuras que merece respeito e muita admiração não só dos petistas, mas também de membros de outros partidos.
Na minha opinião, hoje é o mais preparado para uma eventual candidatura petista a sucessão de Kleinubing.

SAINDO NA FRENTE



No almoço que aconteceu na Casa do Comércio, na sexta-feira passada, com o vice-governador Leonel Pavan, representantes do CDL, Acib, Sindilojas, Prefeitura e membros do PSDB de Blumenau, o único órgão de imprensa que estava por lá era a Rádio Nereu Ramos, com seu coordenador de jornalismo Paulo César da Silva.
No mesmo dia conversei com o repórter Amauri Pereira, da Rádio Blumenau, e ele informou que nem sabia que o vice-governador estava na cidade e só entrevistou Pavan na solenidade dos dez anos da Câmara Mirim, na Câmara de Vereadores de Blumenau.

VAGA NO TCE

Com a saída de Gilson dos Santos do Tribunal de Contas do Estado, abre-se uma vaga naquele órgão para que o governador indique o substituto, já que essa vaga é de competência do executivo estadual.
Mas o governador Luiz Henrique já tem o nome do novo conselheiro. Será indicado o deputado estadual Júlio Garcia (DEM), que nos últimos oito anos tem ajudado o governador a costurar as alianças para as eleições e também tem comandado as ações do governo na Assembléia de SC.
Júlio Garcia goza de muito prestígio não só com o governador, mas também com as lideranças do PSDB, Leonel Pavan, do próprio DEM, o ex-senador Jorge Bornhausen e do senador Raimundo Colombo, e também de muitos peemedebistas que o vêem como uma liderança política muito forte.
Amanhã será publicado no Diário Oficial o desligamento de Gilson dos Santos, que está se aposentando, e a partir daí se iniciará todo o processo dentro da na Assembléia para referendar a escolha do governador.

SEGURANÇA PÚBLICA



Na conversa que Pavan teve com jornalistas do Jornal de Santa Catarina, ele anunciou que o governo do estado, através da Secretaria de Segurança Pública, já está estudando a compra de mais pistolas Taser, aquele que paralisa uma pessoa por 30 segundos através de uma descarga elétrica que, mesmo paralisante, não causa dano algum ao ser humano, para serem usadas por toda a polícia militar do estado. Tem-se como modelo a estratégia utilizada na França e no Canadá para o uso desses equipamentos.
Pavan também já estuda criar uma Central de Inteligência on line, a chamada Cidade Digital, que será implantada em Governador Celso Ramos, onde todas as polícias poderão ter informações e imagens de todo o estado de Santa Catarina, armazenados em um grande banco de dados.
Este projeto já está em fase de estudo e está sendo comandado pelo professor Paulo Luna, professor de computação da Furb, que também já está viabilizando a Internet gratuita para as cidades de baixa renda de SC.
A intenção de Pavan é deixar tudo pronto para que o próximo governador dê o ponta pé inicial para a criação desses serviços de inteligência para serem usados não somente pela segurança do estado, mas também por todos os departamentos do governo e também pelos municípios catarinense.

NOVO IML

Na semana passada, no gabinete do prefeito de Itajaí, Jandir Bellini (PP), aconteceu uma reunião para definir um novo local para instalação do Instituto Médico Legal (IML) da cidade. A reunião foi coordenada pelo secretário regional Gilberto Gadotti e o diretor geral da SDR, João Marcos Matos.
As duas opções são reformar um imóvel pertencente ao Estado ou construir um prédio para tornar o IML um local moderno e adequado às necessidades dos peritos.
Além do secretário regional, a comissão para a discussão do assunto é formada pelo deputado estadual Aderbal Deba Cabral (PMDB), vereadores Laudelino Lamim (PMDB) e Renato Ribas (PSDB), além do secretário municipal da Segurança, Carlos Ely, que ficará responsável por dar encaminhamento ao processo.

BAIXOU O IMPOSTO PARA IMPORTAÇÃO

Foi publicado no Diário Oficial da União que a Câmara de Comércio Exterior (MDIC) decidiu incluir 259 produtos no regime de ex-tarifários até o fim de 2010.
Ao serem incluídos na lista de ex-tarifários, os produtos terão alíquota do Imposto de Importação reduzida de até 18% para 2%. A medida vale para itens sem produção nacional. Segundo o MDIC, a concessão de ex-tarifários permite o crescimento da inovação tecnológica por parte de empresas de diferentes segmentos da economia e garante um nível de proteção à indústria nacional.
Dos 259 produtos incluídos, 239 são bens de capitais (máquinas e equipamentos) e 11 são sistemas integrados de bens de capital. Também foram incluídos oito sistemas integrados simples e um sistema integrado para bens de informática e telecomunicações.
O Ministério do Desenvolvimento informou que os investimentos globais, e aqueles relativos às importações de equipamentos, vinculados aos 259 novos ex-tarifários somam, respectivamente, US$ 5,61 bilhões e US$ 848 milhões.
Os principais setores contemplados para importação, segundo o Ministério do Desenvolvimento, são: geração de energia (53,86%), petroquímico (8,67%) e têxtil (7,17%). Quanto ao valor dos investimentos globais, os três principais setores beneficiados são: petróleo (34,84%), metalúrgico (30,34%), geração de energia (11,93%) e siderúrgico (9,02%).

QUEIXAS CONTRA CALL CENTER

Desde a última sexta-feira os consumidores de todo o Brasil já podem registrar sua insatisfação no Ministério da Justiça toda vez que não se sentir bem atendido por um call center.
Basta acessar a página na Internet do Ministério da Justiça, onde lá haverá um link SAC que irá receber a opinião da sociedade sobre esses serviços de atendimento ao consumidor.
Esse serviço, segundo a secretária de Direito Econômico, Mariana Tavares, não dará qualquer retorno ao consumidor por tratar-se apenas de um termômetro para que o governo meça o desempenho dos serviços e a satisfação dos usuários. Dependendo do número de reclamações contra um determinado segmento de call center, elas poderão gerar ações em defesa do consumidor.
O internauta terá que preencher formulário com seu nome, número do CPF e do serviço de call center para o qual ligou. Além do portal do Ministério da Justiça, o link estará disponível nas páginas eletrônicas de instituições como Procons estaduais e municipais e ministérios públicos.
Para os que quiserem conferir, é só acessar http://www.mj.gov.br.



Sérgio Eduardo de Oliveira – 25/08/2009

Nenhum comentário:

Postar um comentário